Ghóstia: santo doce! Coma sem pecado!

doce hostia

Desde a vinda do Papa Francisco ao Brasil que as festas como batizados e casamentos ganharam um novo e abençoado doce: a hóstia gourmet!

A chegada do papa Francisco ao Brasil não intensificou só as celebrações religiosas. O líder da Igreja Católica também conseguiu mexer com a gastronomia. Chefs inspiraram-se na visita para desenvolver pratos bem elaborados. Alimentos preferidos do pontífice, como o doce de leite, ganharam destaque. E até criações com elementos católicos deixaram de causar tanta estranheza.

É o caso da sobremesa feita com hóstia, criada pelo chef confeiteiro Lucas Corazza, de São Paulo. Batizado de ghóstia, o prato é composto por duas hóstias recheadas com chocolate amargo e doce de leite. “Chamei de ghóstia para fazer a junção do gê, de gourmet, com o elemento sagrado”, explica Corazza. O confeiteiro conta que a ideia surgiu da demanda. “Os clientes queriam doces com hóstias para celebrar casamentos, batizados, primeira comunhão e outras festividades religiosas. Depois disso, decidi que usaria a hóstia como um wafer, para trazer crocância com textura diferente para doces mais cremosos.”

A visita ilustre despertou o interesse pela iguaria inusitada e a criação do nome. “Um dos doces mais vendidos é o de ovos moles com hóstias e o brigadeiro com hóstia. Os ingredientes são básicos, como leite condensado, ovos, açúcar e chocolate”, conta.

Neste caso,  a gula não é pecado! 😉

Image

Image

Image

Image

 

coracao

Image

 

coracoes

 

 

 

 

 

 

dourados

Anúncios

Caixa Surpresa!

Image

Olhem só que ideia legal!

Uma maneira simples e muito bacana de fazer uma surpresa para alguém especial.

Já pensou que legal, ao abrir a caixa um balão sair voando e na ponta da corda um cartão com uma mensagem  “NAMORA COMIGO?”.

Fica aí a ideia para surpreender quem você ama!

Naked Cake é a onda do momento!

Você já está por dentro da mais nova tendência das festas de casamento e festividades?

Pois bem… a moda agora é namorar pelado! Caaaaaalma!!

Não são as pessoas que estão indo peladas nos eventos sociais… mas sim OS BOLOS!!! hehehe

A sensação do momento são os Naked Cakes (bolos pelados). Eles ganharam este nome justamente porque não possuem cobertura, nem pasta americana. E, nem por isso, perderam seu charme.

Muito pelo contrário! A beleza do Bolo Pelado fica por conta do contraste do recheio com a massa do pão de ló, das frutas coloridas e vibrantes, do polvilhar do açucar de confeiteiro e do toque especial que você quiser dar, seja com confeitos ou flores.

Olha como ficam L-I-N-D-O-S!!!

images (5) images (2) images (1) Bare-Tomboy-and-Pound-Cakes1  naked-cake imagesimages (4)

Por uma Páscoa mais caseira (e criativa)!

Image

A páscoa já está quase aí… mas ainda dá tempo!

Para aqueles que, como eu, têm pavor dos ovos industriais aglomerados no supermercado que não têm absolutamente nada demais além do chocolate em formato de ovo que custa praticamente 10x mais do que a sua própria barra, resolvi trazer aqui imagens de alguns ovos de páscoa que nos faz querer virar artista e botar a mão na massa, ou melhor, no chocolate!

Image

Image

Image

ovo fashion: animal print neles!

Image

ovo rendado

Image

Image

Image

Image

Image

ovocake

Image

Image

Image

Ovos Pantone: esse eu quero pra mim com amendoim!

Não são verdadeiras obras de arte???

Quem não ia querer ganhar um ovo desses?! #euquero

Happy St. Patricks Day!

Image

Hoje, 17 de março, é dia Santo:  é dia de São Patrício, o padroeiro da Irlanda. O que era motivo de celebração na Irlanda e nos países de língua inglesa, agora ganhou âmbito global e passou a ser celebrado e adorado em todos os países do mundo. Afinal, quem não quer um dia a mais no calendário para celebrar, comemorar, estar entre amigos e, o que é melhor e muito tradicional nesta comemoração, tomar uma BOA CERVEJA?!

Sobre a celebração de St. Patricks

O primeiro “Saint Patrick’s Festival” foi realizado no dia 17 de Março de 1996. Em 97, tornou-se um evento de três dias e, em 2000, um evento de quatro dias. Em 2006 o festival já durava cinco dias.

Por que VERDE?!

Com o passar dos anos a cor verde e sua ligação com o dia de São Patrício aumentou. Fitas verdes e trevos eram usados nas celebrações do dia de São Patrício no século XVII. Dizem que São Patrício usou o trevo para explicar a Santíssima Trindade aos pagãos celtas, com isso, o uso de trevos de três folhas e similares estão intimamente ligados aos festejos. Na rebelião irlandesa de 1798, na esperança de propagar seus ideais políticos, soldados irlandeses vestiram uniformes verdes no dia 17 de março na esperança de chamar a atenção pública à rebelião. A expressão irlandesa “the wearing of the green” (Vestindo o verde), significa usar um trevo ou então outra peça de roupa em referência aos soldados rebeldes.

É isso aí! Vamos celebrar então!

Seja reunindo os amigos num Irish Pub por aí ou, para quem prefere uma reunião mais privada com os amigos, olha quanta ideia legal de decoração para fazer em casa:

Image

ImageImage

Image

Image

ImageImageImage

Pegue sua peruca, óculos e chapéu verde. E viva Saint Patrick!

Próxima Parada Big Sur: McWay Falls

Image

Logo que você sair do restaurante Nepenthe (sim, nem vou considerar a possibilidade de você não ter parado lá), aproximadamente 13 km dali (na direção sul, a sua esquerda), você já vai ter que fazer a segunda parada.

É isso mesmo!  Não adianta teimar! Quem pega essa estrada tem que saber que vai fazer algumas (muitas) paradas! Até porque o cenário todo te obriga a encostar o carro, relaxar, tomar um ar puro e tirar muitas fotos! Não pode existir pressa nesse trecho da Highway 1!

Aqui fica o Julia Pfeiffer Burns State Park (por sorte, eu estava com o livro California Lonely Planet no colo para nos indicar, senão provavelmente teríamos passado batido, o que seria uma lástima muito grande, por isso, fique atento!!!).

Afinal, não estamos falando de um parque qualquer! Esse parque além de ligar os dois lados da Highway 1, abriga um símbolo clássico da Big Sur, um verdadeiro cartão postal: McWay Falls. A única cachoeira da Califórnia que despenca de uma altura de 25m diretamente no mar (ou na praia, dependendo da maré).

Você vai se deparar com uma prainha em formato de meia-lua, de areias brancas contrastando com as rochas escuras e o mar azul piscina.

Para chegar na cachoeira, a partir do estacionamento do parque, você vai andar muito pouco (não tem trilha, nem floresta), pegue a Overlook Trail a oeste do estacionamento e passe por um pequeno túnel  (a pé mesmo) sob a Highway 1. Infelizmente não tivemos a sorte de ver as famosas baleias-cinzentas que migram no período de dezembro ao início de abril.

Ah, mais uma dica importante. Na entrada do estacionamento do parque existe um “Self registration e fee payment” (sim, para nós brasileiros ainda é muito estranho essas coisas dos americanos de ter que pagar quando não existe nenhuma fiscalização, simplesmente colocando o dinheiro num envelope e preenchendo um formulário para colocar no vidro do carro). Na real notamos que nenhum carro estacionado no parque estava com o tal formulário no vidro (não podemos afirmar se era malandragem de turista ou se é porque realmente está muito mal sinalizado (nós mesmos só fomos nos dar conta disso ao retornar para o carro).

Image

Image

Image

Nepenthe: Parada Obrigatória na Big Sur!!!

Image

Para aqueles que vão fazer uma Road Trip na Califa e encarar as curvas idílicas da famosa Big Sur, aí vai a minha dica de ouro: pare num lugar chamado NEPENTHE!

Image

Nepenthe é um Restaurante-Café que fica no coração da Big Sur, na Highway 1, no lado do oceano, 29 milhas (46 km)  ao sul de Carmel e 63 milhas (101 km) ao norte de San Simeon.

O nome NEPENTHE  vem do grego, significa “não sofrimento”, de fato, não tem como sofrer estando nesse lugar!!!!

São dois ambientes no mesmo local: O café Kevah (no primeiro andar) e o restaurante no nível superior,  ou seja, motivo de sobra para você parar. Mesmo que não seja horário de almoço ou janta, PARE  para tomar um café ou fazer um brunch, pois o que vale a pena de verdade nesse local é a vista estonteante e a atmosfera relaxante que ele oferece! Um lugar totalmente abençoado pela beleza da natureza. Eu poderia ficar ali por horas, só observando os pássaros, o mar, as montanhas, sentindo aquela brisa gostosa no rosto.

Mas eu resolvi ainda experimentar a culinária local e, para não arriscar, fui direto no favorito da casa, pedi o famoso Ambrosia Burger. Bingo! Não tem erro: um hamburguer maravilhoso, com gostinho de carne feita na brasa e molhinho caseiro, vem num cestinho e acompanha salada verde, mas você pode optar pela batata frita, eu preferi a versão “mais light” (esse almoço saiu 18 dólares com taxas, gorjeta e tudo!). O que já estava gostoso ficou ainda mais saboroso!

Image

Bom, para não acharem que estou mentindo, aí estão as fotos que tirei na hora do almoço, nessa paradinha “básica” da Big Sur. Tem como não se apaixonar? Começar a road trip com essa parada, não tem preço!

Cenário e momento para ficar na memória para semprel! #fikdica

Image328

Image

Image

Image

Nepenthe

48510 Hwy 1
Big Sur, CA 93920

(831) 667-2345

http://www.nepenthebigsur.com

Sweet dreams are made of this: Dylans Candy Bar

Image

A maior loja de doces do mundo fica em NYC e, como eu tive prazer de conhecê-la, vou dividir aqui um pouquinho da minha doce experiência na Dylans Candy Bar.

Sabe aquelas lojas que tu sonha desde pequena por pelo menos 7 noites ininterruptas após assistir o clássico filme “A Fantástica Fábrica de Chocolate”? Pois então… foi de tanto sonhar com a loja que Dylan Lauren resolveu realizar seu sonho (e de muitos) e criar a MAIOR LOJA DE DOCES DO MUNDO (só para constar, o sobrenome não é mera coincidência não, ela é nada mais, nada menos do que a filha do Ralph! Sim, tem coisas que só NY faz por vc! kkkkkk).

Agora feche os olhos e tente imaginar uma super mega store de 3 andares, ou, para aqueles que preferem os números,  15 mil metros quadrados de muita bala, chocolate, pirulito, marshmellow, cupcakes, pop cakes, tudocake que você puder imaginar!!!kkkkk

No andar térreo é onde se pode comprar os doces “a granel” (por pounds). No subsolo é onde fica a boutique e você poderá encontrar uma grande diversidade de outros produtos que envolvem o mundo dos doces como camisetas, almofadas de donuts, puffes de biscoitos e até mesmo snacks para os pets! Já o terceiro e último andar abriga um café com mais de 100 sabores de sorvete e iogurte, 18 tipos de chocolate quente  (belga) e uma padaria repleta de doces. Este espaço também pode ser reservado para festas e eventos. Um sonho!

Assim é a Dylans Candy Bar “may, every step you take be sweet”! A cada passo lá dentro você vai mesmo ficando mais doce! Não só pelas delícias, mas porque tudo lá dentro mexe com o nosso doce imaginário: formas, cores, cheiros, texturas, etc!

Image

Image

Image

Image

ImageImageImageImage

y

ImageOlha a mesa da cafeteria no 3º andar. Não dá vontade de comer?!

ImageImageEssa seria a minha versão da Estátua da Liberdade (não disse que essa loja mexe com a nossa imaginação?!

Image

Se você for a NYC, vale a pena a visita hein?! #fikdica

Dylan’s Candy Store
Websitehttp://www.dylanscandybar.com
Endereço: 1011 Third Ave New York, NY 10021

“May every step you take be sweet”